quarta-feira, 12 de abril de 2017

Beije-me se for capaz

Tudo começa com um beijo. 

O beijo é a força motriz do universo. 

É o beijo que faz as estrelas viajarem, os planetas rodarem, a existência se justificar. 

O beijo é a primeira vez que entramos dentro da outra pessoa. 

Os lábios se tocam, se colam uns aos outros e as línguas se entrelaçam despudoradas. 

É a verdadeira linguagem dos sinais. 


Sem fala, sem voz, só bocas, lábios e línguas se comunicando numa frequência impossível de ser escutada pelo ouvido humano. 

Não adianta racionar.

Um beijo quente está acima do intelecto. 

Por que beijamos? 

Não importa. 

Nada importa. 

O dinheiro não interessa. 



Só o beijo interessa.

Boca com boca, mucosa com mucosa. 

Um beijo vale tudo. 

E vale todos os tipos de beijo. 

Todos dos tipos de beijos… todos!

Fonte:

Extraído do filme Beije-me se for capaz











domingo, 19 de fevereiro de 2017

Gatos da Revista Nova









Comecei a comprar a revista por causa da minha mãe e da minha tia avô. Sempre tinha foros de modelos de pés de fora. Nesse ano teve a votação para tirar a roupa de um "Gato de Nova". Infelizmente, acabei ficando sem o exemplar da Revista em que o Siciliano foi escolhido o vencedor. Tentei comprar em Sebo e bancas do centro de São Paulo, mas não teve jeito. Por favor,  se alguém tiver o exemplar no qual o Siciliano tira a roupa (edição de agosto de 2002), me mande scaneado pelo e-mail.
Obrigado a todos que me acompanham!
Beijos nos pés!

Gatos (Íntima & Pessoal)






Fonte: Revista Íntima & Pessoal