segunda-feira, 15 de outubro de 2012

Nova Praça Roosevelt


Acordei no sábado, e apesar do frio, o dia estava lindo! Me arrumei e me mandei para sampa para ver a Praça Roosevelt. Tomei busão, trem e metrô, como de costume. Chegando na Sé, fui ver se tinha alguma exposição no Banco do Brasil. Como não tinha interesse na exposição, me mandei para o cinema. Fazia dias que estava a fim de assistir um filme de terror.


Comprei coisas para comer e entrei no Cine Marabá. Adoro esse cinema porque ia desde pequeno.


Resolvi assistir um filme bem aterrorizante chamado A Entidade.


O filme mostra trechos de vídeos que ajudam um romancista (Ethan Hawke) a desvendar como e por que uma família foi assassinada em sua nova casa, mas as descobertas colocam em perigo sua família.


Fazia tempo que não via um filme de terror tão bom. Levei alguns sustos no decorrer do filme. A única coisa de ruim é que o filme era dublado. Mas o enredo e o ator fez valer a pena. Aconselho a todos os amantes de terror a assistirem esse filme.


Depois do filme, fui conhecer a nova Praça Roosevelt. Antes passei na Igreja da Nossa Senhora da Consolação. Estava no fim da missa. Tinha um rapaz cantando com um outro tocando violão. Na época que morei lá e assistia as missas, não tinha nada disso. Gostei muito!


Quando acabou, dei um rolê por dentro para ver a capela e outros santuários novos. Colocaram um velório ecológico. Lembrei muito da minha tia que morou lá.


Depois de redimir meus pecados, fui até a Praça Roosevelt que estava lotada. Muitas pernas peludas, mas nenhum pezinho. Acho que foi porque estava muito frio.


Tinha casal de namorados, turminhas de adolescentes, muitos meninos com seus skates, adultos passeando com os cachorros. Tinha um espaço para a cachorrada fazer a festa. Pena que ficou tanto tempo abandonada. Espero que mais praças sejam reformadas, porque ficou um point da hora.


Depois de um tempo, me mandei para a Galeria Olido. Fui assistir as bandas de Rock.


A primeira banda a tocar foi a Marcenaria. O vocalista era um ruivinho barbudo bem bonitinho. A galera delirou.


Depois tocou a banda Betty 57. Essa banda eu curti mais o som. O baterista era um ursinho. Gordinho e peludo. Tocou pra caramba.


Depois tocou a banda X So Pretty que arrasou. Foi a melhor banda de todas. As minas cantaram e tocaram muito. Gostei do tecladista que era um nerd meio gordinho e tinha um pezão. Achei ele bem lindinho. Minha noite foi das melhores!


Depois que o show acabou, me mandei para a minha maratona. Metrô, trem e busão. Voltei para casa e ainda assisti um pouco de MTV. Depois fui dormir no frio de 15 º C.


Beijos nos pés!