quinta-feira, 19 de julho de 2012

Praia, aeroporto, exposições e centro da cidade


Quando desci da minha cama, notei o pezão do gaúcho com sua sola deliciosa voltada para fora da cama. Deu vontade de esfregar meu pezinho naquele solão. Tomei banho, comi e me mandei.


Tomei o rumo da Praia do Flamengo. Estava um dia ensolarado, mas com algumas nuvens. Passou um carinha por mim, mas não deu para fotografar direito. Avistei um pássaro muito lindo. Tentei fazer amizade, mas ele não quis papo e voou. Aproveitei e tirei uma foto de um gordinho que estava lá próximo.


Vi um carinha de sunga saindo da água. Estava com outros dois de bermuda. Me aproximei para fotografar os pés deles, mas não foi possível. Passei por uma praça de skatista, mas estava meio detonada e pichada. Então nem tirei a foto.

Passei por um monumento aos pracinhas e fui até o MAM. Pena que estava fechado. Aproveitei e fui na Exposição Atrás da Cortina Atômica. A exposição tinha fotos de diretores famosos, a bomba nuclear jogada no Japão, e um monte de atrocidades feitas aos humanos da nossa mesma espécie. Além disso, tinha um Festival Internacional de Filmes sobre Energia Nuclear.

Visitei o Aeroporto Santos Dumont e vi algumas exposições sobre a história da navegação, outra sobre a arte popular brasileira e uma em arte na madeira.


Depois fui ao centro da cidade. Passei por igrejas, Teatro Municipal, biblioteca, Câmara dos Deputados, um shopping só de eletrônicos no Largo da Carioca. Andei pela Lapa e conheci um maluco que morava não sei onde. Estava meio bêbado. Acendeu um fósforo para iluminar uma estátua, para eu poder tirar uma foto. O cara era uma figura! Ainda tive pique para ver uma exposição na Galeria Instituto Moreira Salles.

Cheguei quebrado em casa. Tomei banho, comi e fui assisti TV no meu celular. Assisti CSI e depois o filme Heróis, com o meu chará Chris Evans. Lindão!

Amanhã continuo!

Beijos nos pés!